Ressalva – Vale Cultura

O sindicato aconselha aos trabalhadores que sigam a orientação da FENTECT e que junto ao formulário de adesão do Vale Cultura, incluam essa ressalva:

 

 

RESSALVA

 Assino a presente Declaração, ressalvando o meu direito ao recebimento, retroativo, do Vale Cultura a 1º de agosto de 2013, tendo em vista que o Instrumento Normativo, que garante tal direito, tem sua vigência a partir de 1º de agosto de 2013, nos termos da decisão proferida no dissidio coletivo número TST/6942.72.2013.50000

 Assinatura/Matrícula: ________________________

Anúncios

XXXII CONREP

XXXII CONREP

Entre os dias 16 a 19 de julho, no Centro de Treinamento Educacional da Confederação Nacional dos Trabalhadores na Indústria (CTE-CNTI), em Luziânia (GO), ocorreu o XXXII CONREP (Conselho de Representantes dos Trabalhadores dos Correios), fórum que tem como objetivo definir a pauta nacional de reivindicações, bem como definir o calendário de lutas.

Na noite do dia 16, na abertura do encontro, homenagens foram prestadas aos companheiros Alexandre Takachi e Damião Jurandir, falecidos recentemente.

José Rodrigues, secretário-geral da Fentect, fez a abertura do encontro, Amanda Corcino, presidente do sindicato anfitrião, SINTECT/DF, saudou as delegações presentes, e falou sobre os 25 anos da FENTECT e Eduardo Guterra, representando a Central Única dos Trabalhadores – CUT, saudou os presentes, fazendo na sequência uma análise de conjuntura.

Max Leno, o supervisor técnico do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE), fez uma apresentação, apontando  dados sobre a situação econômica do país.

O jurídico da Fentect também esteve presente no local de modo dar informações sobre postalis, demissões oriundas da portaria 372, bem como as ações em andamento na justiça, pela Federação.

Os delegados presentes foram dividos em grupos para debater pontos como questões econômicas, benefícios, saúde do trabalhador, condições de trabalho e assuntos previdenciários.

No que diz respeito as propostas econômicas, foram apresentados três(03) propostas de reajuste:

1.    A Intersindical e o PCO defenderam 22% de perdas acumuladas, 15% de aumento real, R$ 300 linear e 6.2% de inflação. Ticket de R$ 40 e vale-cesta de R$ 450. Já o piso salarial, atualizado de acordo com o DIEESE, R$ 3.079,00.

2.    Os representantes da Conlutas levaram à plenária os valores de 6.57% de inflação, aumento linear de R$ 300 e perdas de 11.3%. Para o ticket, destacaram o valor de R$ 40 e de cesta básica R$ 350. A Conlutas defendeu, também, o piso salarial de três salários mínimos e pagamento de participação nos lucros de R$ 2mil linear.

3.    O bloco composto pela Articulação,  MRL, Independente, MSB e MTC, defendeu a reposição da inflação pelo maior índice, 6.40%, R$ 300 linear, 8% de ganho real, R$ 40 de ticket e R$ 400 de vale-cesta. Para reposição de perdas, o valor acordado com o estudo atualizado do DIEESE e piso de R$ 3.079,00.

A proposta aprovada pela plenária foi a terceira por 94 votos.

Na sequência o calendário de lutas aprovado pela plenária ficou assim:

* 29/07 – Data limite da aprovação da pauta de reivindicação e eleição do Comando 

* 30/07 – Data limite de protocolo da pauta e ato contra perseguições políticas, demissões e desligamentos dos anistiados 

* 30/07 – Início de agitação massiva nas bases e reuniões setoriais pela revogação da Lei 12.490/11 e contra o postal saúde 

* 14/08 – Assembléia de avaliação da campanha salarial

* 03 a 06/09 – Seminários regionais ou assembléias sobre privatização (CorreiosPar e Postal Saúde)

* 09/09 – Data limite de negociação 

* 10/09 – Assembléia de deflagraçao do Estado de greve

* 17/09 – Assembléia de deflagraçao da greve, com paralisação a partir das 22h.

Já finalizando os trabalhos, a prestação de contas foi apresentada, sendo aprovada pela maioria presente na plenária.

José Rodrigues, secretário geral da Fentect, deu por encerrado o XXXII Conrep.