Ecetistas capixabas rejeitam proposta da comissão paritária para cobrança do plano de saúde

Em assembleia extraordinária realizada na noite desta quinta-feira (23), a categoria ecetista capixaba rejeitou – por unanimidade – a proposta da comissão paritária de saúde que visa a cobrança de mensalidade para custeio do plano. Os trabalhadores avaliaram que a proposta é um retrocesso, pois fere um benefício já conquistado e também aprovaram a manutenção do estado de greve com indicativo de paralisação para o dia 15 de março ou antes, caso a empresa descumpra a cláusula 28 do Acordo Coletivo de Trabalho.

10

A assembleia aconteceu nesta quinta-feira (23) no auditório do SINTRACONST-ES

A segurança dos trabalhadores também foi colocada na pauta de reivindicação e uma moção de repúdio à ECT e ao Governo do Estado do Espírito Santo foi aprovada devido aos últimos acontecimentos e à intransigência do governador Paulo Hartung em negociar com a polícia militar, que acabou expondo ainda mais os ecetistas das agências e unidades de distribuição.

O SINTECT-ES segue mobilizando a categoria para que todos se envolvam na luta contra os retrocessos impostos pelos Correios e por uma empresa 100% pública e de qualidade.

Anúncios

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE ASSEMBLEIA EXTRAORDINÁRIA – SINTECT-ES

Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Correios Prestadora de Serviços Postais, Telegráficos, Encomendas e Similares do Estado do Espírito Santo, CNPJ: 28.521.474.0001/06

O Presidente do SINTECT-ES, no uso de suas atribuições legais e estatutárias convoca todos os trabalhadores dos Correios do Estado do Espírito Santo, associados ou não para assembleia extraordinária a realizar-se no dia 23 de fevereiro de 2017 no auditório do SINTRACONST-ES sito a Rua Pereira Pinto, 37 – Centro – Vitória – ES às 18:00h em primeira convocação e em segunda convocação às 18:30h, com qualquer número de presentes para deliberar sobre a seguinte pauta: 1- Avaliação do Relatório Final da Comissão Paritária de Saúde; 2- Aprovação do Estado de Greve, com indicativo de greve para 15/03/2017, ou a qualquer momento, caso haja descumprimento e alteração do Acordo Coletivo de Trabalho 2016/2017 em relação ao Plano de Saúde; 3- Informes Gerais. Esta instância tem poderes deliberativos e as decisões tomadas atingirão todos os integrantes da categoria profissional independente do comparecimento.

Vitória- ES, 18 de fevereiro de 2017.

Fischer Marcelo Moreira dos Santos

Presidente – SINTECT-ES

SINTECT-ES solicita abono dos dias durante crise de segurança no estado

Diretores do SINTECT-ES se reuniram na tarde desta segunda-feira (13) com a DR-ES e o ASGET para solicitar que os dias não trabalhados da última semana – em função da situação de insegurança gerada pela greve de policiais militares do Espírito Santo – sejam abonados. Desde o primeiro momento o sindicato se posicionou contrário à exposição dos trabalhadores a quaisquer situações de risco e emitiu diversas orientações para que os ecetistas não voltassem ao trabalho enquanto o policiamento não fosse restabelecido.

A DR-ES demonstrou compreensão quanto à reivindicação do abono, inclusive informou que já discutiu o assunto e aguarda um posicionamento sobre como lançar       corretamente no PGP para orientar as unidades. O sindicato se coloca à disposição dos trabalhadores que quiserem relatar situações que tenham causado algum transtorno para que a defesa seja feita junto ao setor jurídico.

01

Sindicato se reuniu com representantes da ECT para tratar dos transtornos causados durante a crise de segurança no estado

Prorrogação do prazo para a entrega dos documentos de auxílio-creche/babá

Outro ponto tratado durante a reunião foi a prorrogação da data para a entrega dos recibos de solicitação do auxílio-creche/auxílio-babá que se encerrou na última sexta-feira (10).

Para que os trabalhadores não sejam prejudicados, visto que estavam diante de uma situação totalmente atípica, o sindicato conseguiu estender o prazo para o dia 16 de fevereiro.

 

Segurança no interior

O presidente do SINTECT-ES, Fischer Marcelo, também levantou a importância do papel social cumprido pelas unidades de Correios do interior, onde bancos e casas lotéricas ainda não estão operando normalmente.

Diante do exposto e como os Correios também atuam como correspondente bancário, Fischer solicitou que o policiamento próximo a essas agências seja reforçado a fim de garantir a integridade dos trabalhadores.

SINTECT-ES solicita vacina contra febre amarela para os ecetistas capixabas

Devido ao aumento no número de casos de febre amarela em todo o país e a insuficiência de vacinas contra a doença na rede pública de saúde, o SINTECT-ES solicitou à DR-ES que providencie medidas preventivas para os trabalhadores do Espírito Santo junto aos órgãos competentes.

O sindicato ainda avalia que devem ser priorizados trabalhadores do CTO e FNDE – em razão das frequentes viagens – e aqueles lotados em municípios onde há maior risco de incidência.

vacinacao

Secretário Estadual de Saúde também foi comunicado

Além da Diretoria Regional, o SINTECT-ES também enviou um ofício ao sr. Ricardo de Oliveira, atual secretário de saúde do estado. No documento o sindicato justifica a importância da prevenção e a necessidade de medidas que protejam os trabalhadores ecetistas em diversos municípios do Espírito Santo em que há grande preocupação com o surto da doença.