EDITAL DE RESULTADO DA ELEIÇÃO DO SINDICATO DOS TRABALHADORES EM EMPRESAS DE CORREIOS PRESTADORAS DE SERVIÇOS POSTAIS, TELEGRÁFICOS E ENCOMENDA E SIMILARES DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO – SINTECT/ES

Em cumprimento ao disposto no Estatuto Social desta entidade sindical, comunicamos que a eleição da Diretoria, Conselho Fiscal e seus respectivos suplentes para o triênio 2017/2020, realizada nos dias 05 e 06 de janeiro de 2017, foi eleita a Chapa 01 – Unidade na Luta, assim composta: Presidente – Fischer Marcelo Moreira dos Santos, Vice Presidente – Glaiber Antonio Lima, Secretário Geral – Márcio Flávio Soares Romanha, Diretora de Finanças – Regina Sarmento Gomes, Diretora de Assuntos Jurídicos – Valéria Cristina Ferreira da Silva, Diretor de Formação Sindical – Elenilton Braga, Diretor de Relações Intersindicais – Junaldo de Almeida Fantin, 1º Suplente da Diretoria – Antônio José Alves Braga, 2º Suplente da Diretoria – Diogo Ribeiro Zanardo, 3º Suplente da Diretoria – Rhavy Moraes de Almeida, 4º Suplente da Diretoria – Cleuser da Silva, 5º Suplente da Diretoria – Mario Lúcio Togneri, Secretária da Mulher e Minoria – Maria da Penha Barreto Gomes, Suplente – Deborah Katyellen Ignácio Mendes, Secretário de Juventude, Esporte, Lazer e Cultura – Davi do Amaral Camargo, Suplente – Cláudia Rezende da Mota, Secretário de Saúde do Trabalhador e Anistia – Jurandi Rosa de Oliveira, Suplente – Warlen dos Santos Oliveira, 1º Membro Efetivo do Conselho Fiscal – Maria de Fátima Rezende Vieira, 2º Membro Efetivo do Conselho Fiscal – Francisco Petrônio Bandeira de Melo, 3º Membro Efetivo do Conselho Fiscal – Nilzangela Lebarchi, 1º Membro Suplente do Conselho Fiscal – Cosme Mendes dos Santos, 2º Membro Suplente do Conselho Fiscal – Antônio Carlos Assis, 3º Membro Suplente do Conselho Fiscal – Marilane Bonicontre Galdino.

Nos termos do Estatuto Social, a nova Diretoria, Conselho Fiscal e seus respectivos suplentes eleitos, tomam posse no dia 28 de fevereiro de 2017.

 

 

Vitória, 10 de janeiro de 2017

Obadias de Souza Filho
(Presidente)

João Rafael Scardua (1º Secretário)                 Gilvando Almeida Santos (2°Secretário)

 

 

Chapa 01 – Unidade na Luta vence a eleição para a direção do sindicato

Na noite desta sexta-feira (06), encerrada a votação e logo após o fechamento das últimas urnas, os representantes das duas chapas concorrentes à direção do SINTECT-ES se dirigiram à sede do SINTRACONST-ES para acompanhar a apuração dos votos junto com a comissão eleitoral.

20170106_193240.jpg

Representantes das chapas acompanharam a apuração

Já passava das 21 horas quando a última urna foi aberta e com 66% dos votos válidos a Chapa 01- Unidade na Luta foi eleita para a direção do sindicato. A Chapa 02 – Chapa da Base da Categoria recebeu 29% dos votos.

A eleição transcorreu de maneira tranquila até o fim da apuração. A votação manteve uma boa participação dos filiados, onde foi garantido o debate democrático e a legitimidade durante todo o processo. O próximo mandato se inicia em março deste ano e tem duração de 03 anos.

Eleição do SINTECT-ES começa nesta quinta-feira

Durante os dias 05 e 06 de janeiro os ecetistas capixabas filiados ao SINTECT-ES poderão escolher a nova diretoria para cumprir o mandato pelos próximos 03 anos à frente da entidade. As eleições começam nesta quinta-feira e contarão com urnas itinerantes por todo o estado até sexta-feira, quando se encerra o pleito.

eleicao-blog-2

Fique atento à votação em sua unidade e participe.
Seu voto fortalece a luta da categoria!

Última parcela da GACT será paga em janeiro

O valor de R$50,00 referente à Gratificação do Acordo Coletivo de Trabalho (GACT) será incorporado aos salários neste mês de janeiro de 2017 e incidirá sobre as gratificações, adicionais e anuênios.

gact

Além da GACT, o pagamento dos 3% restantes do reajuste deve acontecer no próximo mês, totalizando os 9% conquistados na última Campanha Salarial, dos quais 6% já estão sendo pagos desde agosto de 2016.

Sindicato vai denunciar ECT ao Ministério Público por situação no CDD Carapina

Casos de ameaças contra os trabalhadores ecetistas têm se tornado comuns também nas unidades dos Correios. Só na última semana foram dois casos no CDD Carapina, localizado no município de Serra. Na segunda-feira (12) um trabalhador foi ameaçado por um homem armado que, exaltado, exigia receber sua encomenda que já havia saído para entrega. Na sexta-feira (17) um cidadão invadiu o salão de atendimento e precisou ser contido.

O atendimento ao público nos Centros de Distribuição dos Correios feito pelos próprios trabalhadores que, internamente cumprem também outras funções, acaba se tornando lento, pois há defasagem no número de efetivo da empresa. As filas ficam enormes e irritam aqueles que precisam retirar encomendas e correspondências no local, já que, além disso, não há estrutura para esse atendimento, o que expõe as pessoas a sol e chuva, sem local para sentar e aguardar.

Dessa forma, os trabalhadores ficam expostos a agressões verbais e até físicas de quem não entende que é a ECT a verdadeira responsável por esse transtorno. O setor jurídico do sindicato vai ingressar com uma ação no Ministério Público para denunciar a situação que prejudica tanto a categoria quanto a população. O Sindicato também já avalia fazer uma intervenção no CDD Carapina – onde houve mais casos de violência – para reivindicar segurança e melhorias no serviço.

A diretoria do SINTECT-ES acredita que a falta de interesse da ECT em negociar com os trabalhadores se deve aos planos de sucateamento da empresa para gerar na população o sentimento de descrédito e legitimar o discurso de privatização da estatal.

SINTECT-ES protocola ação contra processo de recrutamento dos Correios

O SINTECT-ES protocolou no fim da tarde desta sexta-feira (16) uma ação contra o processo de recrutamento interno divulgado pela DR-ES em boletim enviado no início da semana. De acordo com os critérios da empresa somente trabalhadores que já ocuparam determinados cargos de supervisão e coordenação podem participar do processo. Ou seja: um verdadeiro jogo de cartas marcadas!

ri-ect

Recrutamento interno da DR-ES parece jogo de cartas marcadas

O formato de recrutamento proposto vai totalmente contra a transparência e a lisura que se espera dos processos dentro da empresa. Pelo contrário, evidencia ainda mais a situação preocupante de uma estatal que foi tomada pelo aparelhamento de tal forma que já nem esconde seu uso para beneficiar amigos e aliados.

O sindicato também orienta todos os trabalhadores interessados em participar do recrutamento interno que, mesmo não atendendo aos requisitos do edital, façam a inscrição e em caso de indeferimento solicitem um comprovante para reforçarmos as medidas cabíveis.

O setor jurídico também já entrou com o pedido de liminar para a suspensão do atual processo a fim de que seja feito um novo edital verdadeiramente democrático e que contemple todos os trabalhadores. A ação e a liminar são estaduais. O número do processo é 0001941-21.2016.5.17.0003 e a primeira audiência está marcada para o dia 27 de abril de 2017.

EDITAL DE REGISTRO DE CHAPA

A Comissão Eleitoral do SINDICATO DOS TRABALHADORES EM EMPRESAS DE CORREIOS PRESTADORAS DE SERVIÇOS POSTAIS, TELEGRÁFICOS E ENCOMENDA E SIMILARES DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO – SINTECT/ES, regularmente constituída na forma do artigo 49, nos termos do Edital publicado no Jornal A Tribuna do dia 30/11/2016, em obediência ao artigo 61 e 62 de seu Estatuto Social vigente, vem tornar público pelo presente Edital, para que todos os associados ao Sindicato tenham conhecimento de que foi recebido o registro de 02 chapas. Chapa 01 intitulada “Unidade na Luta”, composta pelos seguintes membros: Presidente – Fischer Marcelo Moreira dos Santos, Vice Presidente – Glaiber Antonio Lima, Secretário Geral – Márcio Flávio Soares Romanha, Diretora de Finanças – Regina Sarmento Gomes, Diretora de Assuntos Jurídicos – Valéria Cristina Ferreira da Silva, Diretor de Formação Sindical – Elenilton Braga, Diretor de Relações Intersindicais – Junaldo de Almeida Fantin, 1º Suplente da Diretoria – Antônio José Alves Braga, 2º Suplente da Diretoria – Diogo Ribeiro Zanardo, 3º Suplente da Diretoria – Rhavy Moraes de Almeida, 4º Suplente da Diretoria – Cleuser da Silva, 5º Suplente da Diretoria – Mario Lúcio Togneri, Secretária da Mulher e Minoria – Maria da Penha Barreto Gomes, Suplente – Deborah Katyellen Ignácio Mendes, Secretário de Juventude, Esporte, Lazer e Cultura – Davi do Amaral Camargo, Suplente – Cláudia Rezende da Mota, Secretário de Saúde do Trabalhador e Anistia – Jurandi Rosa de Oliveira, Suplente – Warlen dos Santos Oliveira, 1º Membro Efetivo do Conselho Fiscal – Maria de Fátima Rezende Vieira, 2º Membro Efetivo do Conselho Fiscal – Francisco Petrônio Bandeira de Melo, 3º Membro Efetivo do Conselho Fiscal – Nizangela Lebarchi, 1º Membro Suplente do Conselho Fiscal – Cosme Mendes dos Santos, 2º Membro Suplente do Conselho Fiscal – Antônio Carlos Assis, 3º Membro Suplente do Conselho Fiscal – Marilane Bonicontre Galdino e Chapa 2 intitulada “Chapa da Base da Categoria”, Presidente- José Antônio Cabral, Vice Presidente- Robson Nascimento, Secretário Geral- Jeová Geraldo de Oliveira da Silva, Diretora de Finanças- Tamila Callegari Fiorio Vieira, Diretor de Assuntos Jurídicos- Gerson Tarcísio Tesch, Diretor de Formação Sindical- Ademar da Silva, Diretor de Relações Intersindicais- José Roberto Coelho Rocha, 1º Suplente da Diretoria-  Luiz Carlos Ferreira, 2º Suplente da Diretoria –  Flamarion da Silva Cunha, 3º Suplente da Diretoria Eliomar Caetano de Andrade, 4º Suplente da Diretoria –  Antônio Henrique Batista Nascimento, 5º Suplente da Diretoria- Lenon Campos Avellar Machado, Secretária da Mulher e Minoria – Penha Soares Netto, Suplente – Núbia Célia Cardoso Santos, Secretário de Juventude, Esporte, Lazer e Cultura – Edson Reis Martins, Suplente – Edson Luiz Scaquetti De Carli, Secretário de Saúde do Trabalhador e Anistia – José Gláucio Araujo Coura, Suplente – José Carlos Ribeiro, 1º Membro Efetivo do Conselho Fiscal – Ceomar Lucas dos Reis Miranda, 2º Membro Efetivo do Conselho Fiscal – Nivia Vieira de Moraes França, 3º Membro Efetivo do Conselho Fiscal – Rosimay Pelluch Carlos, 1º Membro Suplente do Conselho Fiscal – Marcos Antonio Fernandes do Couto, 2º Membro Suplente do Conselho Fiscal – Valeria Cristina Queiroz Tolentino, 3º Membro Suplente do Conselho Fiscal – Walmir Rocha Ferreira que participarão do processo eleitoral para renovação da Diretoria Executiva, do Conselho de Secretários e Conselho Fiscal a realizar-se nos dias 05 e 06 de janeiro de 2017, das 08h às 18h, sendo que a Mesa Fixa 04-CLES Viana , situado à BR262, 222 Vila Bethânia -Viana terá horário de 05h30 às 15h30. De acordo com o artigo 65 do Estatuto Social, fica aberto o prazo de 05 (cinco) dias a contar da publicação do registro de chapa para solicitação de impugnação de candidaturas.

Vitória, 17 de dezembro de 2016

Obadias de Souza Filho
Presidente

João Rafael Scardua – 1º Secretário                                 Gilvando Almeida Santos – 2° Secretário

Abono pecuniário: ECT sofre mais uma derrota

18Decisão ainda cabe recurso, mas abre precedentes para a ação movida no Espírito Santo

A sentença proferida pela juíza da 2ª Vara do Trabalho de Brasília (DF) impôs mais uma derrota à ECT na ação da FENTECT que reclama o pagamento do abono pecuniário, suspenso pela empresa em memorando divulgado no mês de julho deste ano.

abono
Após rejeitar os argumentos de defesa apresentados pelos Correios em primeira instância, a magistrada ressaltou a proteção constitucional ao direito adquirido, justificando que o procedimento de pagamento do abono ao ser adotado pela empresa, integrou o contrato de trabalho de todos os trabalhadores admitidos antes da alteração publicada no referido memorando. Portanto, é um direito que não pode ser suprimido unilateralmente.

A sentença abre caminho para mais uma vitória dos trabalhadores no Espírito Santo, onde o SINTECT-ES move a ação nº 0001151-43.2016.5.17.0001, com audiência já marcada para o dia 18 de julho de 2017.

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE ELEIÇÃO

SINDICATO DOS TRABALHADORES EM EMPRESAS DE CORREIOS PRESTADORAS DE SERVIÇOS POSTAIS, TELEGRÁFICOS E ENCOMENDAS E SIMILARES DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO- SINTECT/ES, sito a Avenida Jerônimo Monteiro, nº 240, Ed. Rural Bank, 9º andar, sala 903/904, Centro Vitória-ES, CEP: 29.010-900, por sua diretoria, neste ato representado por seu Presidente Fischer Marcelo Moreira dos Santos, em obediência aos artigos 46 e 50 de seu Estatuto Social vigente, vem tornar público o presente Edital Convocatório, para que todos (as) associados (as) ao Sindicato compareçam e participem do processo eleitoral para renovação da Diretoria Executiva, do Conselho de Secretários e Conselho Fiscal a realizar-se no dia 05 de janeiro de 2017 das 8:00h às 18:00h, sendo que a Mesa Fixa 04-CLES Viana , situado à BR262 Viana terá horário de 05:30h às 15:30h. O processo eleitoral terá urnas fixas e itinerantes localizadas conforme segue: Mesa Fixa 01 – Sindicato, Mesa Fixa 02 – Prédio Central, Mesa Fixa 03 – Complexo Maruípe, Mesa Fixa 04– CLES Viana, Mesa Itinerante 05 – Vitória, Mesa Itinerante 06 – Serra, Mesa Itinerante 07 – Vila Velha, Mesa Itinerante 08 – Cariacica, Viana, Domingos Martins Mesa Itinerante 09 – Guarapari e Vila Velha, Mesa Itinerante 10 – Aracruz e Serra, Mesa Itinerante 11 – nas unidades dos seguintes municípios: Nova Venécia, São Gabriel da Palha, Vila Valério, São Domingos do Norte e Governador Lindemberg Mesa Itinerante 12 – nas unidades dos seguintes municípios: Pancas, Baixo Guandu, Colatina e São Roque do Canaã Mesa Itinerante 13 – nas unidades dos seguintes municípios: Pedro Canário, Conceição da Barra, São Mateus e Jaguaré Mesa Itinerante 14 – nas unidades dos seguintes municípios: Barra de São Francisco, Ecoporanga, Ponto Belo, Pinheiros e Boa Esperança Mesa Itinerante 15 – nas unidades dos seguintes municípios: Linhares, Sooretama, João Neiva, Ibiraçu e Fundão Mesa Itinerante 16 – nas unidades dos seguintes municípios: Afonso Cláudio, Itarana, Santa Teresa e Santa Leopoldina Mesa itinerante 17 – nas unidades dos seguintes municípios: Guaçuí, Dores do Rio Preto, Ibitirama, Iúna, Irupi e Ibatiba Mesa itinerante 18 – nas unidades dos seguintes municípios: Alfredo Chaves, Iconha, Vargem Alta, Rio Novo do Sul, Piúma e Anchieta Mesa Itinerante 19 – nas unidades dos seguintes municípios: Venda Nova do Imigrante, Castelo, Alegre e Muniz Freire Mesa Itinerante 20 – nas unidades dos seguintes municípios: Cachoeiro do Itapemirim, Atílio Vivácqua, Presidente Kennedy, Marataízes Mesa Itinerante 21 – nas unidades dos seguintes municípios: Muqui, Mimoso do Sul, Apiacá, Bom Jesus do Norte e São José do Calçado. O prazo para registro de chapa será de 15(quinze) dias, de acordo com o Estatuto Social, em seu artigo 52. O registro de chapas deverá ser feito na Secretaria do Sindicato no horário de 09:00h às 12:00h e das 13:00 às 17:00h. O prazo para impugnação de candidaturas será de acordo com artigo 65 do Estatuto Social. Caso o quórum estabelecido no artigo 89 do Estatuto Social não seja atingindo no primeiro escrutínio, nova eleição será realizada no dia 02 de fevereiro de 2017, nos mesmos horários e locais da primeira eleição realizada.

Vitória-ES, 30 novembro de 2016

Fischer Marcelo Moreira dos Santos
Presidente

17º Consin: informes e deliberações         

Nos dias 18 e 19 de novembro foi realizado em Brasília o 17º Conselho de Representantes da FENTECT, que contou com a participação de dirigentes de sindicatos dos Correios de todo o país.

Com o objetivo de informar e orientar a categoria sobre temas urgentes, os participantes debateram sobre a atual conjuntura nacional e dos Correios, as armadilhas da reestruturação, os riscos da privatização e os ataques aos nossos direitos.

31090787295_17dec094bb_k

Secretário Geral da federação, José Rivaldo fala durante o 17º Consin

A fim de buscar soluções e unificar a luta, foram apresentadas as seguintes deliberações:

Reestruturação e déficit da ECT

  • O CONSIN exige a imediata abertura dos livros contábeis da ECT diante da grave situação da não apresentação do balanço financeiro de 2015 dos Correios, que deveria ter sido apresentado até o dia 31 de abril deste ano;
  • Que a FENTECT oficialize pedido à direção dos Correios de todo e qualquer tipo de documento sobre a implantação da reestruturação, em especial sobre as modificações que a ECT pretende realizar nos próximos 30 meses intitulado “Novo Correios”;
  • Não à contratação da Consultoria ACCENTURE, por meio de contratação direta, ou seja, sem licitação, o que vai onerar os cofres da ECT em R$ 29 milhões.
  • Fazer um levantamento das unidades fechadas (CEE, AC, CTC, CTE, CDD, entre outras).
  • Discussões nas Câmaras de Vereadores, Deputados e audiências públicas nos municípios.
  • Construir um documento padrão aos parlamentares demonstrando a situação dos Correios.
  • Que a H&J Consultores Independentes continue sendo parceira da FENTECT e dos sindicatos filiados no debate do plano de saúde, assim como no caso do suposto déficit e o processo de reestruturação na ECT.
  • Reuniões nas DRs, macrorregiões e em Brasília, exigindo a suspensão da implementação dos processos produtivos e fechamento das unidades.
  • Realização de novo concurso e contra o PDV.

Plano de saúde

  • A direção Colegiada da FENTECT e o CONSIN reafirmam posição contrária a qualquer cobrança de mensalidade no plano de saúde e defende o retorno imediato da autogestão singular em RH.
  • Que sejam realizadas reuniões regulares com os sindicatos para subsidiar o debate da comissão paritária com a ECT uma vez por mês.
  • Que os sindicatos realizem seminários sobre a reestruturação e o plano de saúde.
  • O Conselho de Sindicatos (CONSIN) orienta que todos os sindicatos entrem em estado de greve por tempo indeterminado e sigam o calendário de luta aprovado contra qualquer modificação no plano de saúde que prejudique os trabalhadores e seus dependentes.
  • Ação judicial para garantir a manutenção do plano de saúde, pois a empresa está vedando a adesão de novos beneficiários.

Calendário de lutas e mobilização

  • Autonomia à direção da FENTECT para construir o Calendário de Luta e enviar aos sindicatos filiados com agitação nas bases e paralisação nacional;
  • Construir uma Plenária Nacional.
  • Integrar as lutas específicas contra a PEC 55.
  • Apoio à luta dos estudantes contra a MP 746 que prevê a reforma do ensino médio.
  • Realizar, no primeiro semestre de 2017, o Encontro Internacional de Trabalhadores dos Correios.
  • Campanha de esclarecimento e formação política, por meio de reuniões setoriais, seminários e workshops.
  • Aprovado programa de luta nacional com material de mídia, físico e digital: a) Aprovado pelas lideranças das forças políticas; b) com ações nítidas e sistemáticas, cada vez mais incisivas e contundentes, culminando com uma grande e forte greve nacional em defesa do nosso plano de saúde.
  • Fazer uma campanha de esclarecimento na base, com material de unificação de todos os sindicatos quanto aos ataques da ECT e ao plano de saúde.
  • Elaborar material da FENTECT levantando os ataques aos trabalhadores, fechamento de unidades, entre outros.
  • Contratar especialista da área de saúde, engenheiro de saúde e médico do trabalho, a fim de elaborar estudo dos processos de trabalho implantados pela empresa, reflexo da reestruturação para subsidiar denúncias dos sindicatos e da federação.
  • Que os sindicatos analisem e respondam até a plenária nacional sobre a viabilidade ou não de ingressar com ADPF junto ao STF, para converter a ECT em autarquia.
  • Entrar com uma ação que limite a percorrida de 8 km e defesa da entrega porta a porta 05 dias por semana.
  • Todo apoio à chapa 2 nas eleições do SINTECT-RJ.